Hey, Yuuko!
Games overwatch

“Eu sou uma Eyak, me permita falar sobre a skin da Pharah” – Overwatch

Olá queridos heróis da Overwatch/Blackwatch/Talon e outros!
Exatamente hoje rolou na comunidade um testemunho extremamente lindo de uma Eyak sobre a skin da Pharah e pensando na comunidade brasileira, conversando com aqueles que compreendem inglês melhor do que eu (sou level baixo em relação a língua inglesa), resolvemos unir forças e traduzir na íntegra o texto dela (ou dele, não sabemos definir ao certo) para que todos compreendam e leiam em português. Simplesmente estou sem palavras por tamanha sinceridade e amor desde jogador e por isso, não comentarei nada após o relato pois desenvolverei minha opinião em outro post. Aprecie a  leitura!

[display_alert style=”success”]O link original está no final deste quote traduzido. Não alteramos em nada  do que foi falado no texto original, incluso sua estrutura.[/display_alert]

Okay, só direi isso uma vez e introduzirei isto com o fato de que eu sou uma Eyak e eu provavelmente não quero ouvir sua opinião sobre as skins Raindancer/Thunderbird da Pharah. Este é um post realmente cru. Então, não sei de pessoas rebloggando-o. Se você o fizer, apenas tente ser respeitoso e lembre-se de que isto não é um “sinal verde” para apropriar todas as culturas nativas.

Elas são claramente baseadas nas culturas tribais do noroeste do Pacífico. Algumas que posso exemplificar são os Eyak/Tlingit/Haida/Tsimshian, mas nós frequentemente somos agrupados juntos, então isso não me surpreende. Há muitas outras, mas não alego familiaridade com todas as tribos e não posso dizer se seus estilos de arte e mitos foram usados.

Para comparação, uma pequena amostra dos estilos artísticos das tribos para chegar ao ponto.

tumblr_inline_oacajzOiGj1qdk2qn_500

E eu realmente tenho que tirar uma coisa do meu peito, galera. EU NÃO VEJO PROBLEMA NESSAS SKINS. NA VERDADE, EU AS ADORO. APENAS SE ACALMEM COMIGO POR UM SEGUNDO ENQUANTO EU EXPLICO.m9FwQiq

O grande problema que vejo são pessoas reclamando de apropriação cultural. O que é bom! Estou contente que pessoas estão defendendo isso! Mas é completamente possível que o pai de Pharah seja Eyak/Tlingit/Haida/Tsimshian ou de uma outra tribo próxima, então não podemos julgar dessa maneira ainda. Não me surpreenderia se ele fosse.

Mais importante, falando como um Eyak. Apesar de as outras tribos serem bastante próximas de nós, a relação de nossa tribo com apropriação cultura não… segue exatamente as normas.

O último Eyak que falava nossa língua fluentemente morreu em 2008, seu nome era Chefe Marie Smith Jones e ela também era a última Eyak “sangue-puro” da Terra. Literalmente última. “Por favor, apropriem-se da cultura Eyak”. É o único jeito dela sobreviver. Há menos de 500 de nós restantes e estamos espalhados cada vez mais a cada ano. Famílias com quem cresci no Alaska converteram-se ao catolicismo. Os militares levaram minha família ao redor do planeta e nos deixaram a um continente inteiro de distância. O idioma que aprendi na mesa de jantar em 1998 agora quase que existe somente naquelas fitas cassete que meu pai branco gravou naquela noite em tentativas de revitalização de um acadêmico francês que estudava nossa língua a meio mundo de distância.

É uma merda, galera. Realmente é.

Quando eu vi a skin Thunderbird, eu chorei, eu chorei por uma hora porque Overwatch é grande. Irá viver por anos ou quem sabe décadas. E há uma Pharah com tranças no cabelo que não vi minha mãe usar em mais de uma década. Vestir as roupas que me lembra um lar que não tenho mais. Incorporando uma figura mítica que confiei minha proteção durante a virada do milênio e busquei nas constelações no céu.

tumblr_o5q0asMIW41tdhvz0o1_1280

Então antes de você cuspir sobre o quanto isso que eles fizeram foi racista. Apenas, relaxe e pense sobre diferentes perspectivas por um momento. Se você quer realmente nos ajudar, dê uma acessada neste site  e dê uma olhada no nosso projeto de revitalização de nossa língua! É bastante divertido e você ainda pode aprender um idioma novo a partir disso.

AwA’ahdah (Obrigado)

Para ver em inglês, clique aqui.

Equipe heyuuko

Todos os artigos neste perfil foram feitos pelos colunistas: CxGx, Susu e Yuuko Kitsune. A imagem deste perfil é Pitoco, mascote do site heyuuko.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *