Hey, Yuuko!
Games overwatch

Shambali, Thekartha e a Íris – Entendendo Overwatch

Olá queridos Heróis!
Trago para vocês um pouco sobre os Shambali, prosseguindo nossos “estudos” sobre os robôs de Overwatch que começamos anteriormente neste post. No entanto, partindo das poucas informações que temos, podemos juntar um pouco delas e formar uma teoria interessante sobre as famosas palavras de Zenyatta e Mondatta.

 

Os Shambali6LIrkjY

Os Shambali foram formados após a Crise Ômnica, depois que os ômnicos experimentaram o que eles se referem como despertar espiritual. Abandonando suas vidas pré-programadas, estabeleceram um mosteiro no alto do Himalaia.

nepal-4

Depois de anos de meditação sobre a natureza da existência, esses ômnicos que ficaram reclusos e excluídos da sociedade, chegaram na cresça de que eles eram mais do que apenas inteligências artificiais que vagam no mundo e que, como os seres humanos, possuíam a essência da alma. Logo, reconhecendo a igualdade espiritual que acontece com os humanos, os monges liderados pelo enigmático ômnico conhecido como Tekhartha Mondatta, tentou curar as feridas causadas pela crise ômnica na geração anterior e trazer seres humanos e robôs de volta à harmonia social. Sua mensagem, como sabem, foi abraçada por milhões em todo o mundo, se tornando celebridades globais.

Thekartha Mondatta

mondattaMondatta foi o líder que pregou a ideia de igualdade espiritual existente entre ômicos e  humanos liderando os Shambali. Ele fez muito para melhorar as condições de sua “raça” dentro de King’s Row. O irmão de Zenyatta foi assassinato pela Talon, que enviou Widowmaker para o serviço e podemos ver isso no vídeo abaixo. Em sua memória, uma grande estátua foi construída no mesmo local além de um retrato colocado sobre as escadas onde fez seu discurso final.


É bom lembrar que  Tekhartha foi inspirado em Siddartha Gautama, o Buda que conhecemos. O “Tek” é uma brincadeira com “Tech”, já que no caso estamos falando de robôs. Como sempre, a Blizzmãe tem umas sacadas de mestre, já que nos dá uma base bem clara de qual inspiração foi para om Shambali. Aliás, falaremos do Budismo em breve, fiquem ligados.

slidebuda1

 

Então, o que nós sabemos?

Recaptulando: Sabemos que os ômnicos são uma espécie de robôs artificialmente inteligentes que depois de anos de meditações descobriram que eles possuem a “essência de uma alma ‘. Quando isso acontece, na verdade é um teste para determinar se “a máquina inteligente tem capacidade para exibir comportamento equivalente ou indistinguíveis, que de um ser humano”.Confuso, não é? Isto é conhecido como  o teste de Turing , em homenagem a Allen Turing. Falaremos com calma futuramente, para entendermos de fato como funciona, ok?

“Somos todos um na Iris”

zenyatta-heyuuko-overwatch

O objetivo do teste de Turing não é para ver se um computador poderia completar uma tarefa, mas para ver se ele poderia fazê-lo de uma forma que é indistinguível da forma como um ser humano iria realizá-lo. O teste é configurado com dois grupos : Um teste “duplo-cego” e um observador, que tenta decifrar qual partido é qual. No caso quando se fala em ver a Iris – sendo uma parte do olho um todo – e sim como uma metáfora para esse teste observador.

Em outras palavras, isso pode dizer que a frase  poderia significar: Os seres humanos e Omnics são indistinguíveis aos olhos de Turing.

No próximo post falaremos sobre o teste de Allan Turing e sobre o Budismo, estudando ainda mais o universo de Overwatch!

Um grande /kiss e lembre-se: O mundo sempre precisa de heróis!

 

 

Yuuko Kitsune

Yuuko Kitsune é uma elfa paladina viciada em comida japonesa. Amante de diversas culturas antigas e entusiasta da cultura pop, em especial a oriental. Dentre Quadrinhos, Livros e Desenhos, é uma bem chata em suas escolhas pessoais no que envolve jogos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *