Hey, Yuuko!
Games overwatch

Zenyatta e Bastion após a Crise Ômnica – Overwatch

Olá queridos Heróis!
A Crise Omnica sem dúvida foi uma catástrofe mundial para o nosso planeta e todos nós sabemos que a Overwatch pôs um fim a esta crise, destruindo quase todas as unidades de combate dos Ômnicos. Porém nem todos foram deixados para trás depois que a luta acabou e seu futuro, bem… era incerto.

crise-omnica-yuuko-kitsune-heyuuko

Mesmo com o fim da crise, o mundo continuava em um momento difícil, já que os ômnicos tinham criado a igualdade  conômica e as consequências da crise Omnica significava uma turbulência econômica global. As tensões entre os ômnicos sobreviventes e a humanidade estavam compreensivelmente em um ponto mais alto, enquanto a humanidade questionou a possibilidade de que este tipo de desastre aconteça novamente. Tentativas de tratados de paz foram assinados entre ômnicos e humanos . E como ficou Bastion e Zenyatta nessa história? Vamos conferir!

Bastion

Bem, quanto as unidades Bastion, quase todos eles foram destruídos, exceto um. Curiosamente, essas unidades foram originalmente criadas para fins de manutenção da paz e não para a guerra como um todo. Porém, quando a crise Ômnica começou, a capacidade dos Bastions para reconfiguração em modo de ataque significava que eles eram poderosos o suficiente e robustos o suficiente para serem usados como parte do exército rebelde Ômnico.

yuuko-kitsune-overwatch-bastion-2
Então, em um canto remoto do mundo, uma única unidade Bastion permaneceu em hibernação (dormindo horrores) e esquecida por quase uma década, depois de ter sido severamente danificado nas batalhas finais da Crise Ômnica. Exposto aos elementos que o oxidava, a unidade sentou-se e lentamente, encontrou-se recuperado pela natureza, coberto de musgo e videiras, aninhado em cima de pequenos animais e pássaros.

overwatch-yuuko-kitsune-bastion-zenuata

Amiguinhos !

Dez anos mais tarde, nosso querido Bastion acorda. A sua programação em combate foi em grande parte perdida e era possuído cada vez mais uma intensa curiosidade pelo mundo natural, possivelmente devido aos anos passados como um lar temporário para a flora e fauna local. Considerado um zero à esquerda com nenhuma programação de fato, este Bastion começou a explorar seus arredores e descobrir uma finalidade para ele (uma espécie de crise existencial?).

overgrown_bastion___overwatch_by_plank_69-d9fz1gr
Embora ele pareça gentil com seu amigo fiel Ganimedes, sua programação de combate não foi totalmente exterminada. Se ele sente o perigo, ele irá eliminar tudo que ele ver como uma ameaça.
Bastion não é “articulado”, pois não parece possuir um tipo de programação necessário para se comunicar ou pensar como os outros omnicos ao redor do mundo. Ele era para ser um sentinela, um soldado da paz, como citado acima. O que ele pensa sobre isso, sobre a crise ôminca ou a cerca de sua própria finalidade é um mistério. Sua relação cautelosa para com a humanidade nós dá um significado de que não somos aptos a ganhar qualquer insight sobre sua perspectiva tão cedo.

Zenyatta

yuuko-kitsune-overwatch-zenyatta-2
Enquanto Bastion possa não ter sido concebido para ter altos papos, existiam muitos outros ômnicos capazes de se comunicar, ômnicos estes que haviam passado suas vidas em estreito contato com a humanidade antes da crise Ômnica.  A Overwatch acabou com a crise, porém não fez realmente nada para melhorar as relações entre ômnicos e humanos depois disso. Em algumas regiões do mundo, ômnicos foram cautelosamente aceitos, em outros vários tratados de paz foram assinados. Mas há lugares em que ômnicos foram expulsos da sociedade.

zenyatta-heyuuko-overwatch
Anos após o fim da crise, um desses grupos marginalizados pela sociedade tiveram o que mais tarde fora descrito como um despertar espiritual. Juntos, eles deixaram de lado suas vidas programadas e foram para um monastério remoto, formando um grupo chamado Shambali. Enclausurados, longe de tudo, eles meditaram sobre a natureza da realidade e sua própria existência e após muitos anos, chegaram a conclusão de que eram mais do que apenas inteligências artificiais, eles possuíam alma.

overwatch-zenyatta-yuuk-kitsune-heyuuko-yuuko-
Os Shambali, liderado por um ômnico enigmático chamado Tekhartha Mondatta (que irônicamente me lembra de Sidarta Gautama) deixou o Himalaia para tentar reparar as feridas causadas pela crise Ômnica e tentar trazer de volta algum tipo de harmonia entre a humanidade e os ômnicos. Curiosamente, a sua mensagem de igualdade espiritual foi abraçada por milhares de seres em todo mundo, fazendo com que eles se tornassem celebridades globais – mas nem todos os Shambali estavam concordando com a nova vida de celebridade e seus ensinos dogmáticos.

2721741-zenyatta_overwatch_010
Zenyatta era um dos que discordavam e não achava que a direção que Tekhartha estava lideramdo a Shambali era a maneira correta de reparar os problemas que permaneceram entre ômnicos e humanos. Assim, ele deixou o grupo de seu irmão (sim, ele menciona enquanto você joga que não concordava com seu irmão Tekhartha. EITA NÉ?) e optou por seguir seu próprio caminho – um caminho de grande engajamento e conexão interpessoal. Agora, Zenyatta vagueia pelo mundo, ajudando as pessoas a superar suas lutas pessoais e encontrar algum tipo de paz interior e lutando para proteger inocentes quando necessário, sejam eles ômnicos ou humanos.

tumblr_inline_o7wtnnUU0I1qlv5j9_500 6LIrkjY

Nos próximos artigos falaremos sobre a tensão Ômnica e sobre o diálogo que aflige tanto a humanidade: teriam os robôs, alma? 
Um grande beijo e nos vemos nos próximos artigos!

Yuuko Kitsune

Yuuko Kitsune é uma elfa paladina viciada em comida japonesa. Amante de diversas culturas antigas e entusiasta da cultura pop, em especial a oriental. Dentre Quadrinhos, Livros e Desenhos, é uma bem chata em suas escolhas pessoais no que envolve jogos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *